Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2013

Voltando pelo fio de Ariadne

Quantas vezes, não pensei sobre minha vida, sobre ter ou não ter alguém, sobre viajar, estudar fora, chutar o pau da barraca, literalmente ...São tantos 'se' para poucos 'quando'. Até lá, fazer o que estiver ao meu alcance para ser tudo muito bom.

Segue o texto que li num blog interessante, o qual sigo há algum tempo.

-------------------------------------------------------


O Que Torna Uma Pessoa Especial Dentre Milhões de Outras?


A bossa nova tocando no rádio naquela manhã me lembrou do calor no peito que eu sentia toda vez que encontrava certo namoradinho de adolescência que eu tinha. Não era nem a presença dele em si, e nem as suas feições que não eram as mais atraentes. Era a paz que me invadia por dentro cada vez que ele me olhava nos olhos e perguntava se eu tinha dormido bem à noite. Ele era o rei dos pequenos requintes de delicadeza, como o bombom em cima do caderno de matemática, a mensagem desejando boa prova e, claro, o olhar, aquele cativo e carinhoso de todo…